O que é o Whois e como posso utilizar?

Existe muito mais sobre os domínios que apenas o seu nome ou extensão, sendo necessário muitas vezes algumas horas de estudo e análise para compreender perfeitamente todas as características específicas e até recursos que possam ser usados em favor dos internautas.
Um desses recursos, muito popular entre os interessados pela Internet, é o WHOIS, um serviço fantástico, disponibilizado em vários websites que tem como principal objectivo consultar e divulgar informações de contacto relativas ao próprio domínio em questão.
Esta é uma ferramenta extremamente útil que surgiu para facilitar o acesso à informação de contacto dos proprietários dos domínios, principalmente para possíveis interessados em parcerias, compra ou venda, etc. Isto é, existem muitos websites que não têm a opção de contacto directo com a administração, sendo por vezes por opção própria ou mesmo esquecimento, o WHOIS vem assim apresentar esses mesmos contactos (desde que estejam visíveis, já vamos falar um pouco sobre isso) para que sejam possíveis contactos directos com maior facilidade.
Esta informação disponibilizada é totalmente da responsabilidade do provedor de Internet, da empresa de registo de domínio e do proprietário do mesmo, sendo que informações incorrectas ou falsas podem significar falhas de contacto e até possíveis falhas de vendas ou parcerias com outros interessados.

O que é o WHOIS?

O WHOIS, que tem a tradução directa para português como “Quem é”, é um protocolo criado a pensar na pesquisa e consulta de informações específicas e voltadas para 3 áreas distintas, sobre domínios de Internet.
Este protocolo apresenta informações referentes a três entidades, que podem ou não ser diferentes, nomeadamente: Contacto Administrativo, Contacto Técnico e Contacto de Cobrança. Estas informações presentes no WHOIS podem oferecer aos interessados os dados da empresa ou pessoa que é proprietária do domínio em si, dados da empresa onde o domínio foi registado e ainda os DNS para o qual o domínio está direccionado.

Vantagens do Whois

Sendo um protocolo presente em tantos websites, é totalmente gratuito e pode ser accionado por qualquer interessado. Apesar das informações presentes serem da responsabilidade da empresa de registo do domínio e do próprio administrador do mesmo, qualquer pessoa pode consultar essas informações e fazer uso dessa informação, sem que seja para fins legais.
Acedendo e consultando o whois de um domínio já registado, é possível ver o tempo de registo do mesmo, sendo vantajoso para quem quer fazer uma proposta de compra, baseando o valor no seu tempo de utilização ou no tempo restante para a sua renovação.
A presença dos contactos directos pode ser extremamente vantajoso para aquelas situações em que dentro do blog/site/portal não existem outros contactos, dando a possibilidade de possíveis clientes ou parceiros entrarem em contacto com a administração dos mesmos.

Desvantagens do Whois

Sendo um protocolo que está disponível a qualquer pessoa, de forma liberal e gratuita, é usado por muitos spammers para encontrar informações de contacto e endereços de email variados que posteriormente podem ser usados para outros fins, menos morais. Apesar de existir uma clausula na apresentação desses dados de contacto, que afirma que não podem ser utilizados para quaisquer fins ilegais, a maioria das pessoas ignora essa regra e faz uso dos mesmos.
Não existe uma forma específica para travar estas consultas vindas de pessoas maliciosas, apesar de existirem já formulários de pesquisa que incluem campos obrigatórios que só podem ser preenchidos por humanos, excluindo os bots, é impossível punir as pessoas que fazem uso da informação para outros fins que não a consulta e informação.

Como posso usar o Whois?

Actualmente as empresas de registo de domínios permitem duas opções para os administradores de domínios: a apresentação do Whois do domínio ou manter a informação oculta.
Apesar da maioria dessas empresas requererem um pagamento adicional para manter as informações ocultas no Whois, são muitos os interessados em adquirir este serviço, principalmente pelas desvantagens que mencionamos em cima e até pela questão de privacidade no que diz respeito à administração de determinados projectos online. Esse pagamento nem sempre é obrigatório, com muitos cupões de promoções especiais, torna-se muito mais simples de manter o anonimato online, evitando colocar um nome à frente de um projecto que anseia manter-se sem dono.
Para aqueles que querem manter as informações de contacto disponíveis, dispondo assim de todas as vantagens e desvantagens que isso implica, não é necessário fazer qualquer requerimento ou pedido especial, já que é automaticamente feito, com os dados de facturação e registo exibidos em cada empresa de registo.
Se quiser experimentar, aceda ao site domaintools.com e no campo de pesquisa coloque, por exemplo, google.com (sem o www).

Os nossos leitores também viram:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *